Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Berindeira Doce

Um blog que retrata uma vida (a minha) perfeita no meio de tanta imperfeição, entre desejos, sonhos, projectos e a realidade!

A Berindeira Doce

Um blog que retrata uma vida (a minha) perfeita no meio de tanta imperfeição, entre desejos, sonhos, projectos e a realidade!

A viagem

Lembram-se de ter falado aqui na nossa viagem de sonho? A que queríamos muito fazer este ano?

 

Pois... está marcada, paga e eu estou a contar os dias que faltam até entrar no avião (estou também numa de falar baixinho para ver se ninguém me agoira a viagem)!

 

Mas faltam 14 dias e eu já não consigo parar a contagem descrescente num misto de felicidade, expectativa e cagunfa de que por alguma merdice não possamos ir (eu sempre a ver o lado bom das coisas... é certo)!

 

 

E quando entrar no avião acho que vou gritar: Yupiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

 

Entretanto a máquina fotográfica avariou, liguei para a marca e sendo super simpáticos marcaram logo a recolha para hoje e disseram-me que se for o que pensam o arranjo deverá rondar os 90/95€. Ora adoro a minha máquina, mas com a evolução das tecnologias estive a ver e consigo uma compacta com as mesmas características da minha por 140€ +/-, entretanto vi outras XPTO super avançadas mas que iriam levar à falência, vamos ver o orçamento do arranjo e logo decido!

 

 

 

...

Não é pelo valor, é pelo amor... e é nestes dias em que as coisas que gosto muito, das que gosto mesmo se estragam que fico como uma miúda com vontade de chorar (ou a chorar mesmo) por sentir um aperto, mesmo que parvo, no peito!

Não ligo a muitas coisas é verdade, mas as que gosto podiam nunca se estragar!

 

Minha querida Olympus!

Querido Agosto

Trabalhas, lutas, batalhas, vives, sonhas, choras, ris... Pensas em desistir, pensas que "nem pensar", cais, levantas-te, poucos estão a teu lado, mas os que estão valem a pena!

Choras, ris, tentas novamente, dás tempo à vida, provas as maiores dores, os maiores desafios, acreditas, tens fé (em ti, em Deus, nos teus) e de repente tudo começa a bater certo  tão certo que ficas com medo que haja algo errado, mas pode não haver, sossega e vive!

Aproveita e Sê feliz, o máximo que puderes ser!

Por fim diz, simplesmente, Obrigada! 

 

Agosto: o meu mês de coração num obrigada profundo à vida!

Portugal no seu melhor!

 

Este fim-de-semana fomos desafiados por amigos a ir conhecer esta praia, primeiro contestei porque quero ir conhecer a praia da comporta, à qual já era para ter ido algumas vezes mas que acaba sempre por ficar para trás, como era a única com essa preferência cedi...

O caminho não é fácil, demorámos mais ou menos meia hora, subimos, descemos, saltámos, etc.. Começámos com  algumas dúvidas pois as indicações são nulas, felizmente apareceram duas senhoras que conheciam o caminho e lá fomos nós atrás delas.

 

Aqui ficam algumas fotografias...

P7180450.JPG

 

P7180451.JPG

 

P7180461.JPG

 

 

P7180478.JPG

 

P7180493.JPG

 

P7180494.JPG

 

P7180504.JPG

 

P7180509.JPG

 

P7180542.JPG

 

P7180543.JPG

 

Definir é a melhor forma de começar!

Tenho perfeita consciência que me entusiasmo muitas vezes com facilidade mas que também esmoreço com essa mesma facilidade. Esta falta de consistencia e foco nos objectivos faz com que quem me rodeia e quem vive comigo (e até eu) nunca me leve muito a sério quando digo que quero algo, seja fazer exercício, seja dedicar-me ao RC, seja ir estudar, seja o que for, básicamente, e é isto que quero contrariar, porque quando olho para trás percebo que passei mais um ano na mesma conversa, não acreditam? Eu dou uns quantos exemplos:

Aiiiiiiiiiiiiii eu quero tanto ter os dentes direitos! Vou ao dentista 3 vezes e adio 9 meses a próxima consulta.

Aiiiiiiiiiiiii quero começar a correr! Vou andar uma vez, reclamo o tempo todo e desisto porque fiquei "com dor de burro".

Aiiiiiiiiiiiii quero-me e tenho de me arranjar melhor! Compro 50 coisas de maquilhagem, mas continuam a passear entre a gaveta do escritório e a de casa sem qualquer uso, etc. etc. etc.

 

Eu não sei se todas as pessoas têm esta tendência, já li alguns artigos acerca do procrastinar e acho que posso incluir lá o meu modo de vida dos últimos anos em que quero muito tudo, mas não faço nada por isso.

Portanto proponho aqui o registo e o compromisso de vir partilhando as minhas conquistas, aos poucos vamos lá ser realistas sem grandes radicalismos senão já sei que fico na mesma!

Os objectivos de 2015 foram escritos aqui e mantêm-se, para já vou-me focar nestes dois:

- Cuidar mais da minha saúde e imagem!

- Colocar aparelho dentário (again)!

O que fiz hoje para isso?

Marquei consulta para o dentista dia 15!

Há mais alguém por ai com tantos objectivos que se perca no meio deles? Qual a vossa forma de manter o foco?